Minha postura corporal pode acarretar uma má oclusão dentária?

12251-sentir-aquela-dorzinha-nas-costas-ao-sen-slider_medias-2
Sentir aquela dorzinha nas costas ao sentar na cadeira pode ser indício de má postura. Será que este problema é capaz de causar uma má oclusão dentária?

 

 

Já reparou na sua postura hoje? Seja acomodado na cadeira do escritório ou em pé na fila do banco, não tem jeito, você acaba relaxando a coluna. E, muitas vezes, na hora de acertar a posição, acaba forçando essa parte que sustenta todo o corpo, podendo causar desvios. Mas o que isso tem a ver com a saúde bucal? Muitos dizem que a constante falta de equilíbrio das costas pode refletir na má oclusão dentária. Para saber se é mito ou verdade, convidamos o ortodontista Sérgio Casarim.

RELAÇÃO ENTRE A POSTURA E O SORRISO

Existe um padrão de normalidade para a posição dos dentes, tanto dentro da arcada, quanto entre as arcadas superior e inferior. Sérgio conta que quando este modelo está alterado temos uma má oclusão dentária. “Ela pode ser provocada por vários fatores, dentre eles problemas na própria arcada ou no padrão de crescimento da maxila ou mandíbula do paciente”. Com isso, a má postura também pode estar relacionada ao problema.

A coluna e o sorriso possuem uma forte relação. Um afeta o outro através dos músculos de regiões adjacentes, como pescoço e costas. “A postura do paciente pode interferir tanto no posicionamento ósseo, quanto na alteração do equilíbrio das forças que atuam nas arcadas, podendo provocar alterações no crescimento dos ossos e na posição dos dentes, resultando a má oclusão”.

COMO A COLUNA AFETA A ARCADA DENTÁRIA?

Todo a nossa estrutura corporal é interligada. Ter uma má postura interfere na posição da sua cabeça que, por sua vez, determina a colocação da mandíbula e da língua na cavidade bucal. Isso resulta na falta de contato dos lábios, em uma mandíbula baixa e uma postura de cabeça inadequada. Todos estes fatores acabam refletindo na má oclusão. Este cenário também pode vir acarretar outros problemas, como transtornos na articulação temporomandibular (ATM).

A MELHOR MANEIRA DE CUIDAR DESTE CASO

Sérgio explica que tudo vai depender do diagnóstico do problema. A partir daí, os profissionais envolvidos no caso podem ser fonoaudiólogos, para fortalecimento e treinamento postural, fisioterapeutas, psicólogos, ortopedistas, ortodontistas, entre outros. “Somente com um equilíbrio postural de toda a musculatura e do tecido ósseo, podemos tratar a má oclusão. Assim conseguimos prevenir recaídas e um possível agravamento do caso”, conclui.

 
Fonte: Sorrisologia

      

Comentários

Nenhum Comentário